Imagem capa - Meu primeiro Newborn por Rafaelly Lemos

Meu primeiro Newborn

Sou apaixonada pela fotografia. Mas, claro, assim como toda paixão, eu tenho minhas áreas preferidas.
Não é novidade para ninguém (eu acho, rs) que tenho um carinho especial pela fotografia de casamento (farei outro post específico para falar disso porque é muita coisa a ser ressaltada, acreditem! Hahahah).
Mas o que eu quero falar aqui nesse post é sobre uma outra área que me encanta tanto quanto mas que nunca tive a oportunidade (ou seria coragem mesmo? haha) de registrar: A fotografia newborn.

Sempre fui louca por bebês. E depois que virei mãe, ai que me apaixonei de vez! <3 Aquelas dobrinhas gostosas, o sorriso banguela, o olhar que eles nos olham... tudo isso me cativa de forma particular demais.
No caso dos newborns, em específico, são tantos detalhes que eles tem que chega ser difícil gravá-los na mente. Não sei se pelo frisson do momento que passamos ou se por eles crescerem rápido demais... o fato é que em um dia eles estão ali, banguelinhas e no outro já nasceu o primeiro, segundo, terceiro dente. Parece que se a gente piscar, perdemos ai uns 3, 4 meses, rs.

Com o Pedro foi bem assim.

Eu não fiz newborn dele (casa de ferreiro, espeto de pau, digo logo! Hahaha). E por mais que (ache que) guarde todos os detalhes dele em mente, não existe aquele registro para me lembrar exatamente de quantas dobrinhas ele tinha quando encolhia as perninhas ou de como seus cílios sempre foram lindos desde que nasceu ou do cabelo lisinho que eu nem lembro mais em que altura começou a cachear... sabem? São detalhes que a cada dia que passa vão ficando mais longe da minha memória... e um dia eu já não vou lembrar com tanta certeza deles. Acho que não ter feito um newborn do Pedro é uma das minhas maiores chateações como mãe.

Pensando nisso e juntando a minha já tão grande paixão, resolvi me lançar num novo mundo.


Digo novo porque fotografar newborns não é fácil, acreditem! Não é apenas ter a vontade, comprar o necessário e se lançar. É muito (MUITO!) estudo e pratica. Acima de tudo, MUITA PRÁTICA.

Eu devorei livros, viciei em canais do youtube. Assisti palestras, workshops, dicas para acalmar o bebê, melhor posição no puff, como segurá-lo corretamente, como lidar com as "escapadas" (cocô e xixi), higiene correta... tudo como manda o figurino!
Investi em equipamentos novos, comprei wraps, acessórios, mantas e afins... urfa! Estava tudo ok para começar. Só precisava do modelo.

E ele veio.

Ou melhor, ela.

Minha sobrinha linda nasceu em 28 de Dezembro de 2017. E lá fui eu pra João Pessoa pra fazer meu tão sonhado primeiro newborn! <3

Se foi perfeito? Só NÃO foi! Hahahhaha

Explico: Nada do que você leu, ouviu ou viu vai te servir na hora do ensaio.

"- Ué? Mas comoassim, xente? Não foi tu mesma que falou pra gente estudar pra car@!o,lok?"

E é mesmo. Só que isso tudo te serve como base, não como produto final (alias, como em qualquer ramo que você deseje seguir, né). Basicamente, você sabe a teoria, mas precisa aprender a prática. Bebês são diferentes demais um dos outros. E você precisa estar preparado para essas diferenças.

Mas voltando à Sofia e a minha experiência - quase que - desastrosa, rs.

Nós conseguimos fazer algumas fotos, ainda que poucas. Demorei demais em alguns momentos com ela e acho que ela se abusou de mim, rs. O ensaio durou,mais ou menos, umas 2 horas e eu só consegui fotografá-la com um único modelito, variando apenas as tiaras e as mãozinhas (fora/dentro do wrap).
Logo após o ensaio, não vou negar: Me senti um lixo de profissional, haha. Mas depois, observando melhor o resultado final das (ainda que poucas) fotos, comecei a curtir um pouco mais essa minha primeira experiência.
Está longe de ser o que eu espero. E, na real? Espero que nunca chegue a ser o que eu espero. Porque se um dia chegar, significa que estagnei. Espero que sempre eu tenha algo a melhorar. Sempre!
Mas, a princípio, para primeira experiência, eu curti e tô começando até a amar esse ensaio, ahhahaa <3

Tem ele completo lá no site ;)


Instagram

RECOMENDADA POR:

Sobre Rafaelly Lemos

Fotógrafa desde 2009. Recifense de 28 anos. Graduada em Fotografia pela UNICAP.

Saiba mais
Faça contato!
  • +55 (81) 998460022
  • contato@rafaellylemos.com.br
  • Recife - PE
Ir para o topo